domingo, 8 de julho de 2012

Céu ou Planos superiores?




Sempre que entramos no assunto da vida após o desencarne, fica a dúvida: Para onde vamos após o desencarne?

Normalmente vemos definições de dois lugares básicos para a vida após o desencarne, céu e inferno, mas hoje veremos que não é bem assim que a coisa acontece, pois se somos tão diferentes uns dos outros, cada um com seus anseios e aprendizados diferentes, como poderíamos ser divididos em somente dois grupos não é? Hoje começamos a falar sobre os planos superiores e no próximo tema falaremos sobre os planos inferiores.

Quem já assistiu o filme "Nosso Lar", baseado na obra do espírito André Luiz, psicografado pelo médium Chico Xavier, certamente já ouviu falar que as cidades como são aqui na Terra são uma cópia das cidades espirituais, isso mesmo, no plano espiritual há cidades sim, mais evoluídas que as nossas aqui no plano terreno, a essas cidades damos o nome de colônias espirituais.

Quando desencarnamos, o local para onde iremos é baseado no nosso pensamento, no nosso campo vibracional, como somos todos ainda imperfeitos, normalmente o primeiro lugar imediatamente após o desencarne passa a ser o Umbral. Nossa quer dizer que todo mundo é castigado? Não é bem assim, há diversas camadas de vibração no Umbral, algumas mais densas, outras nem tanto, mas isso é assunto para o próximo tema, hoje iremos tratar apenas das colonias espirituais dessa região, isso mesmo há colônias espirituais lá também. Essas colônias são as chamadas colônias de socorro e acolhimento, elas são as responsáveis por nos acolher após o desencarne, elas se localizam em pontos estratégicos do Umbral, algumas inclusive são especializadas em determinados tipos de desencarne, como espíritos que desencarnaram por problemas cardíacos, suicídio, câncer, e tantos outros casos. Essas colônias dedicam-se ao primeiro contato com o espírito desencarnado, preparando-o para o aprendizado que virá antes de sua próxima encarnação.

Após esse primeiro contato, cada espírito a seu tempo, eles são encaminhados para as colônias de aprendizado, como Nosso Lar, por exemplo. Essas colônias de aprendizado são como grandes cidades focadas no ensinamento e preparo dos espíritos para uma nova encarnação, através de palestras e trabalhos os espíritos aprendem as lições de amor e caridade para com o próximo, adquirindo a essência das palavras que nosso mestre Jesus nos ensinou, essas colônias tem também seus departamentos de socorro, mas seu foco maior é no aprendizado. As colônias espirituais são verdadeiros pontos de luz ao redor do planeta, esses pontos são como os faróis que guiam os navegadores, guiando espíritos que buscam o auxílio.

Não somente as colônias espirituais são pontos de luz no espaço, mas também as casas espíritas, templos religiosos, e mesmo aquelas residências que fazem seu evangelho no lar ou seu culto de orações, todos esses lugares geram no espaço uma luz especial, que auxilia os espíritos perdidos a encontrar o caminho do bem, daí a necessidade de fazermos o evangelho no lar, não somente para proteger a nós mesmos e nossa casa das negatividades do mundo, mas tembém para auxiliarmos espíritos errantes que estejam próximos. Os centros espíritas e templos religiosos por exemplo, as vezes são construções bem singelas no plano físico, mas tem no plano espritual uma extensão gigantesca, em formas de hospitais e escolas que acolhem diversos espíritos.

Dessa forma vemos que o plano superior não é somente um único local para onde vão os espíritos bons, mas sim um conjunto de muitos locais distribuídos por todo o planeta e em todas as esferas para que todo tipo de espírito possa ser atendido e auxiliado.

Após esse texto teremos um outro com as principais colônias espirituais localizadas no nosso país, Brasil, e depois um texto falando sobre os planos inferiores.

Uma ótima semana a todos!

 Abraços   MARIA!