Pages

quinta-feira, 26 de julho de 2012

NOS CAMINHOS DA INTRIGA

A intriga é uma forma de colocarmos o outro negativamente em evidência, proporcionamos o julgamento de suas ações e atitudes, e com isso nos tornamos cruéis e não damos o direito da defesa, porque quando propagamos a intriga, entramos num caminho onde nossa condição moral é totalmente abalada e nos tornamos insensíveis ao sofrimento do outro. Desta forma trilhamos um caminho onde a falsidade é nossa companheira e a maledicência é nossa amiga. Infelizmente este caminho de intrigas apenas nos dá o prazer momentâneo de acharmos que estamos no caminho correto, mas logo vemos que este caminho só nos leva a solidão, porque todos se afastam de nós e com isso não damos a nós a oportunidade da convivência atrasando e muito a nossa evolução. Não teremos como evoluir, se pautarmos a nossa vida em espionarmos as atitudes e ações alheias. Portanto se a intriga é um vício hoje em sua vida, abandone este defeito, procure a harmonia entre todos que convivem com você, pare de olhar a vida do outro e veja como está a sua e faça as mudanças que forem necessárias em você, para não entrar no caminho da intriga que só lhe trará transtornos morais, procure harmonizar sua conduta no caminho do bem, se tiver algo a falar de alguém que não seja benéfico faça a opção por calar-se, que é a melhor forma de nos desviarmos dos caminhos da intriga